Posts Tagged ‘trem’

flagra

maio 12, 2009

DSCN3329

trem do expresso leste na estação suzano.

o cara falou, tá falado.

uaianazes

janeiro 27, 2009

dando continuidade à série, mais dois desenhos

na verdade são do mesmo dia do primeiro (ce ficou ai dormindo), mas por algum motivo na época achei que não devia postá-los.

acho que por que o outro tinha história. mas achei o papel abandonado esses dias e gostei deles agora.

novo logo cptm – parte 2

dezembro 17, 2008

De: Kikipedia
Enviada em: domingo, 14 de dezembro de 2008
Para: ATENDIMENTO AO USUÁRIO

Por que voces mudaram o logotipo da empresa, se ele foi mudado há um ano atrás?
não há meios mais úteis de se empregar o dinheiro público?

De: ATENDIMENTO AO USUÁRIO
Enviada em: quarta-feira, 17 de dezembro de 2008
Para:
Kikipedia

Prezado Sr. Marcos

Agradecemos pela iniciativa de contato, bem como a oportunidade de conhecer e registrar sua opinião sobre a identidade visual da CPTM.

Aproveitamos a oportunidade para registrar nossos votos de feliz Natal e um novo ano repleto de realizações.

AtenciosamenteEquipe de Atendimento ao Usuário
Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM
0800-0550121

novo logo da cptm – ou “eu tenho dinheiro sobrando”

dezembro 14, 2008

logocptm_expandido_cor2008

a cptm mudou de logo. não sei nem quando foi, mas tenho a impressão que foi agora no fim de semana (!?), pois na sexta feira eu passei no site e não reparei.

foi uma mudança bem radical, trocou os tons meio escurecidos por um vermelho vivo, as linhas arredondadas por quinas vivas, etc. enfim, foi uma mudança grande pra uma empresa pública, o que acarreta uma mudança na identidade visual, na identificação do público.

sem discutir a qualidade do logo, nem discutir nenhuma questão de design, quero manifestar minha repúdia quanto à postura que a cptm (assim como outras empresas públicas) tem adotado perante a identidade visual.

images

a empresa cptm tem 15 anos de existência. assim sendo, ela não possui uma identidade firmada perante a população. pelo contrário, ela nasceu já com um histórico negativo dos serviços ferroviários da cbtu e da fepasa (isso já é outra história).

nessa década e meia ela vem fazendo um bom trabalho de melhoria dos serviços e tudo mais. porém, no afã de mostrar serviço, acho que acabou se tornando esquizofrenica do ponto de vista do design. o logotipo já sofreu diversas alterações, muito mais do que a companhia do metrô (o primo rico), por exemplo, que em 40 anos sofreu poquissimas alterações na identidade.

nem sei listar a ordem das alterações. já vi laranja ou vermelho coimplementando o azul. já vi azul ciano e azul escuro. nem sei se algum dia houve uma padronização cromática.

logo-cptm

a alteração mais significativa – e acho que a única justificável que eu vi até o moomento – foi a “encaixotação do logo”. antes ele possuia as setinhas CP soltas, e a escrita abaixo. que poderia aparecer em sigla ou por extenso, conforme a situação.essa encaixotação deixou a cptm mais ou menos no padrão da EMTU e do Metrô, criando assim uma identificação entre as companhias de transporte estaduais.

outra mudança grande na comunicação, essa não apenas injustificável, mas condenável, é a alteração nos nomes das linhas. mudou-se de letras para números, para fazer sequencia à numeração do Metrô (e assim fingir que há uma rede), e trocou-se os nomes das cores para nomes de pedra. a linha C-Celeste virou 9-Esmeralda, etc.

essas duas ultimas modificações foram na segunda metade de 2007.

rgs

o maior problema, a meu ver, é que essas mudanças todas gastam muito dinheiro. dinheiro com a equipe de design, que fica trabahando pra criar e produzir essa identidade. dinheiro na hora de imprimir folhetos, placas, adesivos, etc. dinheiro pra produzir totens das estações, instalar, etc.

dentro dos trens ainda tem o logo antigo, sem a caixa, em alguns avisos e placas. os totens das estações com os novos nomes de linha estavam começando a ser trocados há poucos meses atrás.

só que agora mudaram tudo.

o resultado disso é essa companhia esquizofrênica, sem identidade. e o dinheiro público vai indo.


no trem

agosto 17, 2008

dando continuidade à serie, mais alguns desenhos no trem. o foco são as pessoas ocupando os espaços do vagão de maneira inusitada.

esses são da ida pra mogi, dois espaçosos dormindo. lá no alto, na esquerda, uma mulher que esticou as pernas no par de bancos e dormiu profundamente. sempre segurando firmemente sua bolsa com os braços cruzados.

os outros dois desenhos são da mesma pessoa, um rapaz que dormia de boca aberta e ocupava dois lugares, um pra ele e outro pra mochila. o vagão encheu e ele não acordou, continuou ocupando dois lugares.

na volta, um tio com o braço apoiado na barrinha lateral, um outro com uma mala grande, e outro com o braço estendido sobre a cadeira ao lado. conforme o vagão enchia, ele recolheu o braço. um outro senhor, de pulôver, tentava apoiar seu cotovelo na bordinha da janela.

o rapaz de boné ficava com a perna pra fora, pois o banco é meio estreito. e o outro jovem de franja emo tentava ler um livro, primeiro se segurando na barra horizontal lá em cima, depois ficando encostado na barra vertical.

cabó

junho 28, 2008

o que não necessariamente significa que eu vou conseguir estar mais presente, mas enfim…

eis o motivo

junho 8, 2008

pelo qual eu tenho andado pouco postativo nos ultimos tempos

reta final da minha estação, mais duas semanas. quem quiser ver umas imagens, pus uns novos cortes em 3d no flickr. além disso tem pedaços de lapa espalhados pelo flickr e pelo blog. e a correria continua.

metro lapa

abril 14, 2008

croquis digitais de uma estação de metrô, realizados no software rhinoceros 4, renderizados no vray for rhino

é um experimento de projeto, fazer um modelo volumétrico de um projeto ainda em nível muito preliminar. a dificuldade é lidar com a alta definição e precisão do modelamento digital em contraposição ao nível de indefinição do projeto.

essa tentativa te obriga um pouco a definir melhor algumas coisas, impulsionando a resolução do projeto. mas o mais importante é a articulação espacial das partes, muito mais complicada de entender e resolver somente através das vistas ortogonais (desenhos).

o resultado é enganosamente convincente, podendo até persuadir um leigo. mas ainda há muito chão pela frente. esses modelos serão completamente descartados, pois o projeto deve mudar muito, e o nível de precisão deve aumentar, demandando um modelo novo.

mesmo que ele seja abandonado, não terá sido em vão. ele já cumpriu sua função de elucidar diversos aspectos espaciais dos partidos de projeto imaginados.

ce ficou ai dormindo…

fevereiro 27, 2008

trem

é quase uma tradição na familia desenhar nos transportes públicos, onde sobra tempo e sobram pessoas e situações interessantes. minha mãe costumava fazer muito isso, e meus irmão também. em geral são desenhos furtivos, discretos. eu ando desenhando pouco, mas estavam todos no mesmo trem desenhando, resolvi me incluir nessa.

me interesso pela maneira como as pessoas usam o espaço do vagão (há até estudos sobre isso), além do que sou bem ruim pra desenhar pessoas. uma das situações mais interessantes que eu vi foi essa dos quatro amigos esparramados, todos entendiados, cada um usufruindo de uma maneira diferente. percebam que o primeiro da esquerda está dormindo.

acontece que quatro japoneses desenhando num trem é bem atípico, e algumas pessoas percebiam. na hora de descer do trem, os quatro amigos se levantando, ouvimos um deles zuando o outro: “ce ficou ai dormindo, o cara te desenhou…”